Catarina Nunes
bio

Catarina Nunes, Luanda, 1978. No seu desenvolvimento artístico dedicou parte do processo criativo à pesquisa e compreensão das possibilidades físicas e de significação da cerâmica. No caminho percorrido no Japão surgiu uma nova relação com o mundo. O estudo do Wabi-Sabi abriu portas a questões de confrontação e aceitação da efemeridade da matéria escultórica. Nas suas conceptualizações há uma mimetização de estudos biológicos ligados a um encanto pela natureza e pela sua interpretação científica.